quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

O Natal está à porta!!!

O Natal è mesmo a minha època favorita...Adoro as luzes, a arvore, as decoraçoes, as musicas, os coros...tudo...
Quantos aos presentes, gosto de dar, mas axo k nao devias ser uma època tao comercial...
Axo tambem que nao devia ser so nesta època que as pessoas se deviam lembrar de pegar no telefone para ligar aos familiares...infelizmente nesse aspescto axo que as pessoas sao um bocadinho hipocritas...sera que so nesta altura è que sentem saudades??
Ou ligam so porque fica bem? E pensam que fica tudo dito ate ao Natal proximo??
Pois eu este natal nao vou ser hipocrita...ligo SOMENTE as pessoas com quem convivo durante o ano todo, e que tambem se lembra de mim, durante todo o ano...
Nao ha nada mais deprimente que receber uma mensaguem que foi escrita de forma impessoal, e è mandada para todos os contactos que estao no telemovel, ou na caixa de e-mail...Epah, è triste...So para dizerem que se lembraram de mim, quando na verdade, nem para o meu nome olharam...
Mas enfim vai ser o primeiro Natal da minha filhota, e so por isso, ja vai ser um natal muito especial...
O nosso Primeiro Natal...O primeiro dela, e o meu primeirissimo como Mãmã!!!
E sem hipocresia, Desejo a todos um Feliz Natal!!!

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Socorro!!! Cheguei aos 30!

Dia 8 de Dezembro...Este dia ja me trouxe tantas alegrias, e hoje, nao me conformo...nao me conformo mesmo.
30 anos...30!!!!!!!!!!Ou seja, passei a ser uma trintona.
Mas eu estava tao bem na casinha dos 20.
Olho para mim, para o meu "eu" como pessoa, e nao consigo sentir-me com 30 anos.
Agora è ve-los a passar...

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

11 meses e a arvore de Natal.


Ontem a minha filha completou 11 meses...È nestes dias que me vem à cabeça todos os instantes do dia do seu nascimento...cada vez que olhava para o relogio, sabia exactamente o que tinha acontecido hà 11 meses...lembro-me de tudo ao pormenor, da emoçao, do cheiro, do toque...tudinho.
Como o tempo passa, daqui a um mes, serà o seu primeiro aniversario...e penso quando olho para ela: Estas a crescer tão depressa...
Entao ontem à noite decidi fazer a minha arvore de Natal.
Começei a faze-la, mas a piolhita andava sempre à volta, a mexer em tudo, e nao foi possivel...eu metia de um lado, ela ia por outro e tirava, tive que esperar que adormeçesse para acabar, alem de ainda faltarem as luzinhas que piscam, que vêm de Portugal, pois aqui na Suiça nao as consigo encontrar. Fica a foto com as luzes normais...estas nao fazem "bling-bling".

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Centro de Natal...


Andava aqui às voltas, à procura de um centro de Natal para a mesa...
Os que eu gostava, eram simplesmente carissimos, e os que era assim mais em conta não me despertavam grande interesse.
Ora ontem, fui à cave buscar as minhas decorações Natalicias, meti "mãos à obra" e construi o meu proprio centro de natal, algo que tem mais a ver comigo, e tb que se enquadre com a mobilia da casa.
Então com um prato preto, salpicado de prata, umas bolas da arvore de natal, uns cabelos de anjo brancos e dourados, umas fitinhas vermelhas, um anginho de cera, mtas porpurinas e umas velas, fiz um centro de Natal, para o qual olho e penso: Sim, tem a ver comigo...

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

O jantar de ontem e o almoço de hoje...

Ontem o jantar não correu lá muito bem...
Estáva eu a dar o jantar à piolha, e sem dar conta como, de tão rápido que foi, ela levou a mão ao prato, e ...sopa toda virada por cima da cadeira dela, braços, chão, e em mim...ás vezes não sei se o melhor è tentar mostrar que não se faz, mostrar cara de desagrado, mas a verdade è que deu-me vontade de rir...talvez náo foi a melhor opçao, mas tambem o que vamos dizer a uma criança de 11 meses??? Afinal a adulta sou eu, e nao devia por o prato "à mão de semear".
Eu andava aqui com um problema com a alimentaçao da piolha, pois ela sopa adora, qualquer uma, mas quando lhe dava algo mais a seco, ela comia as 3 primeiras colheradas e começava aos vomitos, tipo arroz com frango, ou massinhas com frango, ou qualquer outra carne...e a açorda, ela puro e simplesmente odiava...afinal era a minha açorda que ela não gostava, tentei dar-lhe da mais simples, com alho, peixe, ovo e pão, e ela nao comia nem por nada, ela adora comer, mas è sopa e qualquer outra coisa que nos estejamos a comer...
Ontem ao falar com uma mãmã, ela deu-me uma receita de açorda, e fiz hoje para ver se a piolha gostava.
Alem de a estar a fazer e a pensar, que seria mais uma que ia para o lixo, enganei-me...
Ela comeu tudinhooooo...Obrigada mãmã, pela receita da açorda com legumes...ficou uma maravilha!!!!
Deixo a receita nas receitas para bèbès.

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Receitas para Bèbès

Sopinha de legumes. (para 3 refeiçoes) com peixe ou carne
3 batatas
1/2 cebola
5 rodelinhas de alho françes
1 boa fatia de abóbora
1 funcho
1 courgette
1 fio de azeite.


Descascam-se os legumes e lavam-se bem, o courgette lava-se bem, não se tira a "pele", pois è muito rica em nutrientes.
Levam-se a cozinhar durante alguns minutos.
depois de cozido tritura-se tudo ( eu trituro metade com o triturador, e outra metade com o garfo).
À parte coze-se o peixe ou a carne , e desfia-se para dentro do prato, e mistura-se com a sopinha dessa refeição.
Eu normalmente nao misturo na sopa toda, porque por exemplo se ao almoço dou peixe, ao jantar dou com carne, usando a mesma sopa.




Açorda de legumes e pescada

1 alho
1/4 de cebola
1/2 cenoura
1 bocadinho de abóbora
1/4 de courgette
3 rodelas de alho françes
1 pãozinho
1 bocadinho de pescada
1/2 gema de ovo


Primeiro põe-se o paozinho dentro de agua, a demolhar para soltar o fermento.
Entretanto, faz-se um refogado MUITO leve com a cebola e o alho cortados aos bocadinhos, junta-se a pescada ja cozida, a cenora e a abóbora ralada, e o cougette cortado em cubinhos muito pequeninose o alho françes tb cortado em bocadinhos.
junta-se um pouquinho de agua para cozinhar.
Quando os legumes estiverem cozinhados, juntar o pão escorrido, e deixar cozer uns minutos.
Junta-se a gema do ovo, e deixa-se cozinhar, sempre mexendo.
Eu junto sempre uma pitadinha de sal, mas isso já è ao gosto de cada bébé.


Dia "muito Branco".

Hoje acordamos cedinho, ( a piolha teve que ser acordada), vestimo-nos e fomos levar o pequeno almoço ao papá que estava a trabalhar.
Incrivel a quantidade de neve que se acumulou num único "pequeno nevão".
Limpam as estradas, mas esquecem-se por vezes de limpar os passeios, e o pior, è k limpam a neve da estrada para a beira da mesma, conclusão: Dificuldade em subir para o passeio com o carrinho de bébé.
Voltamos para casa, e a piolha vinha com tanto sono, que teve que dormir uma mini sesta mesmo antes do almoço ( coisa que nunca faz, pois è uma dorminhoca e levanta-se tarde).
Hoje vou deixar a receita da sopa do almoço, e vou deixando algumas com o tempo.

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Agora em tempo real.

Hoje levantei-me e já passavam das 9h. Estava na cama, e ouvia um pingar constante na minha janela, e pensei:esta a chover, que bom...(aqui em casa todos adoramos água, seja no estado líquido ou sólido, desde que esteja a cair do "cèu").
Levanto-me, e a piolha continua a dormir, e qual não è o meu espanto, quando olho pela janela da sala...ESTÁ A NEVAR!!!!
Flocos enormes de neve a cair.
Vou à cozinha e tiro um cafè, e vou bebe-lo para a varanda, não consigo explicar a paz interior que sinto nestes momentos...
A "Z" acordou por volta das 11h, e fize-mos o "ritual" das manhas, levanto-a, falamos 3 minutos ao espelho do roupeiro, muda-se a fralda, e bébe-se o leitinho com cereais (ela enjoou o leite simples).
Visto-lhe o casaco e ponho-lhe o gorro na cabeça e lévo-a à varanda, pensei que ela não fosse ligar muito, mas abriu muitos os olhos e começou a esticar a mão, para apanhar os flocos de neve, estáva deslumbrada.
Dentro de casa, ficava breves instantes a olhar a neve pela janela, para ela è algo novo...

video

Deixo um video do "espétaculo" de hoje.

E o tempo vooaaaa...

E desde que a piolha nasceu, já passaram mais de dez mêses, e posso garantir, que cada vez que penso, axo incrivel como o tempo voa, a mim, parece-me que foi ontem.
A "Z" foi sempre uma bèbè que dormiu bem, até hoje, deu-me no maximo 5 noites mal dormidas, e desde os 2 mêses que dorme noites inteirinhas, começou com noites de 9 horas seguidas, e agora ja vai nas 12...è tão bom...deito-a por volta das 23h com a banhoca tomada, o leitinho, e cama, e só acorda por volta das 11h da manha, e isto desde os 4/5 meses.
È uma bèbè muito esperta (obvio, todas nos pensamos assim dos nossos bèbè, o que è mais que normal)começou a rastejas com o rabo no chao, e ao tráz com pouco mais de 3 mêses, gatinhou muito cedo,e desde os 5 mêses que começou a dizer papá e mãmã, papá foi a primeira palavra. Entretanto foi cada dia dizendo umas palávras novas como água (abua) rua (bua) avô (abo) e avo (ábó)...agora anda na era dos porquês, todo o dia:poque poque poque...como vê o babyfirst TV e anda apaixonada com o Peekaboo, è mais uma palávra que ela diz sem parar "peekaboo"!!!!
Faz imensos gestos, desde fingir que se arrepia (ensinado pela avó), abana a cabeça freneticamente para dizer que não,mete as mãos na cabeça e diz ai ai ai como se tivesse acontecido uma desgraça... e quando vê a sopa, que ela adoraaaa, ouve-se logo:nham nham hummmm...a minha filha adora comer. Dança, báte palmas, diz adeus, e quando vem cá a casa alguem e levamos as pessoas à porta, mal deixa tempo para despedidas, mete logo a mao na porta para a fexar...
Agora com os dentes todos a "rebentar" (ja tem 4 e vêm ai mais)anda mais rabujenta, o que è normal, mete-se em pé agarrada aos móveis e mesas e tudo o que apanha à mão, serve de consolo para as gengivas.
È um mundo esta menina, como claro, qualquer bèbè nesta fase...

domingo, 29 de novembro de 2009

Voltar a casa com o tesouro nos braços.

Qual è a mãe, que durante a gravidez não imaginou vezes sem fim, como seria, a chegada a casa com o seu rebentinho ao colo, e os dias suguintes??
Pois è, no minimo, todas.
Todas imaginamos o chegar a casa, e ser um sonho, o bébé a dormir no berço, o cheirinho a bébé pela casa toda, nós sentadas no sofa com o bébé ao colo a dar de mamar, felizes, tudo arrumadinho, tal como nas télénovelas, filmes, ou mesmo publicidade...mas, a realidade è bem diferente!!!
A minha filha nos primeiros tempos sofreu imenso de cólicas, e começou bem, o primeiro dia em casa...
Pouco depois de termos chegado a casa, ela chorava com cólicas, eu cheia de dores devido à cesariana, não pegava bem no peito, e eu não tinha muito leite, ela chorava porque puxava puxava, e nada, o meu marido a trabalhar...e eu, em casa com a bébé a desesperar...Hoje acredito que sim, que a depressão após o parto existe, algo que eu não acreditava atè ao momento em que me sentia tão triste, e completamente incapaz. Tinha sempre a dúvida se estava a fazer isto ou aquilo bem, as dúvidas e o medo invadiam-me, e eu só tinha vontade de chorar.
Mas felizmente foi uma fase que durou pouco mais que uma, duas semanas no maximo. Mas aconselho as mãe a quem estes sintomas se arrastem para falarem com o médico de familia, pois podem tornar-se em depressao, e sair dela não será fácil se não for detectada ou tratada de ínicio.

O nascimento de uma Princesa...

O nascimento de um filho, è sempre um momento único... o primeiro choro, è como musica para os ouvidos de uma mãe, e o choro da minha filha naquele momento foi algo que mesmo que eu gostasse de explicar, não haveria palavras suficientes para o fazer... depois...o primeiro toque, sentir o seu cheiro, olha-la nos olhos, beija-la, è algo que ainda hoje, quase 11 meses depois me emociona só de pensar...SIM, foi um momento único. E ter o Papá a meu lado, o tempo todo, fez desse momento, um momento Mais que Mágico.

Uma curta historia...

ou nao...
Vou-vos contar um pouquinho da nossa vida desde o nascimento da minha filha (Z) até hoje...
Desde o nascimento não, vou recuar um pouquinho mais no tempo...e...dia do teste positivo...
è daqueles dias que não se esqueçem, os risos e as lágrimas, aquela felicidade enorme, que consegue subrepor-se ao frio que sentimos bem la no fundinho da barriga...o MEDO...
A gravidez è uma viagem pelo desconhecido, para quem è mãe de primeira viagem, è uma etápa de muita alegria ao ver a barriga a crescer, passar mal durante todo o tempo de gestaçao (muito mal mesmo, ao ponto de não poder trabalhar durante toda a gravidez),sentir os primeiros movimentos do bèbè, comprar as "coisinhas" para o novo membro da familia que vem a caminho, a descoberta do sexo, as ecografias...e tudo o resto que gira em volta do mundo da gravidez.
Chegámos a Janeiro 2009...a piolha ja devia ter nascido em Dezembro, mas estava tanto frio, e tanta neve, que a piolha não queria nascer nem por nada, portanto, internaram-me para me provocarem o parto durante a noite, mas ao que parece a minha filha lá teve medo, e decidiu querer nascer antes que induzissem o parto, e lá começaram as contracçoes...depois de uma noite inteira com contracçoes, e dilataçao completa, a Z mudou de posiçao, e começou com batimento cardiaco fraco, resultado: cesariana.