segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Saudades...

Ontem estava a ver umas fotos aqui no Pc, e a piolha estava ao meu colo a ver o pocoyo.
Entretanto ao passar as fotos, ela ia olhando tambem...

De repente, vem uma foto em que ela esta ao colo do avô (meu pai)...
Ela salta do meu colo, começa a chorar, e vai a correr para a porta de entrada a chamar: Avô, avô...e a chorar...vou la tento acalma-la e digo que nao, que nos sim, vamos ver o avô, mas que tem que esperar...
Axo que de tudo o que eu disse, ela so ouviu o "esperar", pois foi para a janela do meu quarto, que fica de frente para o estacionamento, ver se ele chegava...
E com as lagrimas a cairem-lhe chamava: Avô! Avô!!

Quando os meus pais ca estavam esperavamos sempre ali, á janela...
E ela deu-lhe as saudades assim que viu a foto do meu pai...chorou ela, chorei eu...e por isso senti a necessidade de escrever aquele post anterior...

2 comentários:

Katy disse...

é muito dificil! e veres a tua menina nesse pranto a chamar pelo avô deve fazer com que custe o dobro, só te posso dizer que espero que revejas os teus pais depressa e que mates as saudades! e nao te deixes ir abaixo, como dizem a vida é madrasta mas é a única que temos..

Ana (A mamã é só minha) disse...

Kristiianna
Pelo menos, ela tem um avô que gosta dela, nem todos temos isso, eu, falo por mim, nem avós, nem pai, não sei o que isso é. Preferia mil vezes estar longe deles, mas saber que íamos estar juntos e felizes, do que nunca saber o que isso é.
E agora, que estão a ficar velhinhos,e que precisam de quem cuide deles, os meus tios, que andam espalhados pelo país, tentam que eu, que sou a única pessoa da família que está mais perto deles, que os vá visitar. Mas não, custa muito vê-los passar à frente de minha casa todas as semanas, e nunca se dignaram a vir conhecer os bisnetos, e passam ao nosso lado e não nos conhecem, nem imaginas o que é.

Força
Beijinhosd