sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Fez esta semana 4 anos...

Que conheci o meu "home"!!

Nao sei ao certo em que dia foi, mas sei que a 26 de Novembro começamos a namorar...conheciamo-nos ha uma semana e pouco (glup)...

Ou melhor...ele ja me conhecia, eu ja o tinha visto uma vez , anos antes, e nem sabia que era Portugues, e como foi no meu local de trabalho, as poucas palavras que trocamos foram em alemão...

(preparem-se...vem ai um post mega longo!!!)...

Por incrivel que pareça, tudo começou dois anos antes de nos "encontrarmos"...

Um dia a filha de uma amiga da minha mae, emprestou-me um dvd, para o meu sobrinho ver...o Dvd foi para casa da minha irma, com a condiçao de ela o devolver assim que fosse visto...
O tempo passou, e eu nunca mais me lembrei de tal coisa...

Um dia via msn, a menina pediu-me o Dvd, e eu disse que assim que falasse com a minha irma, e ela o trouxesse, que lho entregava, ou mandava pela minha mae...

A minha irma tzrouxe o Dvd, deixou-o em casa da minha mae , mas a minha mae foi a casa dessa menina e esqueceu-se do o levar...e ela tambem nao perguntou nada á minha mae...

Nesse dia chego do trabalho, ligo o Pc e vejo o MEU nome na sua frase do msn, que dizia:

A Cristiana roubou-me o Dvd, e agora nao me o quer dar de volta!!

Eu fiquei possuida!!!Cristianas aqui nao ha muitas, quase que me atrevo a dizer que só eu...e claro, tinhamos imensas pessoas em comum adicionadas...(isto escrito por uma miuda de 10 anos!!! Eu na altura tinha 25...que vergonha!!! Eu fui ama desta menina durante 3 anos nas minhas ferias de Verao!!!!)

Tentei falar com ela via msn, mas ela nao me respondia, e eu estava chateada liguei para casa dela, a mae atendeu, e eu pedi para a chamarem , nas calmas, disse que era uma coisa entre mim e ela, (nao queria mesmo confusoes com os pais...pois sabia que iam reagir mal ao que ela escreveu) mas ela começou a chorar e a gritar de tal forma, que a mae ja ralhava com ela  sem saber o que se estava a passar...

Falei com a mae com toda a calma, disse que eram coisas de miudos, e que o Dvd estava la em casa, mas que de facto a minha mae se tinha esquecido...mas que estava lá, e so queria que ela tirasse a frase, porque caramba, nao se faz!!!

Pronto, nao sei o que se passsou quando aquele telefone se desligou...so sei que minutos depois a menina me liga a chorar, a pedir desculpa, e voltei a dizer-lhe que o Dvd estava la em minha casa, e que no dia seguinte a minha mae ia la entregar-lhe, pois eu estava a trabalhar...para mim o caso estava encerrado...mandei-lhe beijinhos, ela mandou-me a mim, ponto final...pensava eu...

Dias depois aparece-me uma mensagem no msn que nao sei quem me queria adicionar...

Como certos amigos me adicionavam porque viam o meu e-mail, facil de identificar em e-mails em cadeia, aceitei...

Qual nao è o meu espanto...que a pessoa do outro lado começa a dizer coisas sobre a minha vida, que muito poucas pessoas sabiam (nada de grave, mas curioso)...
Por muito que eu insistisse, essa pessoa nunca me dizia quem era, começou a assustar-me pois sabia de uma festa que eu tinha ido, que pouca gente sabia, pois nao foi onde eu vivia, dizia que tinha estado la etc...

Um dia tratou-me mal...disse-me que eu fazia as pessoas sofrer, que era anti-social, que descarregava os meus problemas nas ourtras pessoas etc...

Bloqueei-o inumeras vezes, mas a curiosidade era maior e meses depois voltava a desbloquar...

Uma altura fui de ferias a Portugal, e o meu avozinho faleceu...quando regressei vinha muito mal...entao, assim que a tal "pessoa" tentou falar comigo...pedi-lhe para nao o fazer, e ele ja sabia do meu avo...deu-me o ombro...e eu acabei por desabafar com o estranho que me conhecia, e eu nao...o que me tratava mal, e nesse dia me estendeu a mao...

Começamos a falar de varias coisas, ele as vezes dizia que me via em tal sitio, com a minha mae, ou meu pai, etc...batia sempre certo...

Um dia ele perguntou-me
O que pensas do amor?
E eu, tinha saido (2 anos antes)de um casamento muito conturbado, de traíçao, e muita violencia psicologica...respondi-lhe:

Eu nao acredito no amor...para mim, amor è sinónimo de sofrimento...

Sei que esta frase o desarmou...sei que teve pena de mim, ou compaixao...com 25 anos, eu ja nao acreditava no amor...

Fomos ficando "amigos", falavamos imenso via Msn, alem de eu achar que era tudo meio "assustador"...
Combinamos beber um cafe...eu fui...ele nao...mas eu tinha tanto medo, que pedi ao meu pai para ficar á janela de casa (que parvoice) que era em frente ao cafe, caso me raptassem assim ele via que era!!
( Que sirva de exemplo para quem se encontra com pessoal da net, avisar sempre alguem antes de ir, um adulto de preferencia!!)

Ele nao apareceu...

Chateada voltei a apaga-lo da lista, mas meses depois voltei a recuperar o contacto...

Depois de desculpas etc...voltamos a ser "amigos"...

Nao falavamos todos os dias, nem nada do genero...mas quando falavamos eramos bastante verdadeiros...

Um dia...confronte-o, pois pensava que ele era uma pessoa que me tinha feito muito mal, a mim e aos meus pais...e disse-lhe que se fosse essa pessoa para nao voltar a contactar-me...

ele disse-me que nao era, jurou-me, mas eu nao conseguia falar como falava antes, tinha medo, e as conversas eram muito superficiais...

Um dia ele diz_me

estas sentada??
eu disse que sim...

e escreve-me:

Adicionei-te porque tu magoaste uma menina...queria vingar-me de ti, por a teres magoado, tinha uma ideia muito distorcida de quem tu es...
(a historia da menina do Dvd...
Conclusao...dois anos antes deste dia , depois de eu desligar o telefone, o pai da menina bateu-lhe forte e feio...o Miguel foi la a casa desse casal entregar um computador e tambem porque era amigo da familia...encontrou a menina sentada no chao toda enroscada a chorar, com os dedos do pai marcados na cara...quando ele porguntou porque...a menina respondeu: Por causa da Cristiana!

Foi o que levou ao Miguel a adicionar-me no messenger...foi para me provocar, para me espezinhar...

O miguel durante dois anos nunca me disse quem era, pois na relaçao em que estava ter uma amizade comigo, era sinal de problemas, era sinal que nunca mais iria ver a filha que tinha com essa pessoa...

Dois anos depois a relaçao do Miguel terminou(eu nao sabia que a pessoa com quem falava tinha uma relaçao!!)...e ele disse-me quem era, como sabia todas aquelas coisas sobre a minha vida (claro esta...amigos em comum, que sabiam o que ele me estava a fazer, e davam pormenores!!como o meu nr de casa, o meu nr do trabalho etc...)...

Combinamos encontrar-nos...e posso dizer que nao foi como oum primeiro encontro...nao, foi como se fosse um de muitos...eu ja conhecia aqwuela püessoa...so nao tinha um rosto...

Lembro-me de um dia na brincadeira lhe dizer...nao sei quem ès, mas acho que poderias ser o homem da minha vida...mal nos sabiamos!!!hehehhehe

Nos dias seguintes saimos varias vezes, falavamos via messenger, sms, telefone, e pessoalmente...

Uma semana depois começamos a namorar...nesse mesmo dia, fui para Portugal de ferias...jum mes depois o miguel vai ter comigo a portugal, passamos 16 horas lá, e voltamos para a suiça...(estava com medo que eu viesse sozinha de aviao, e foi-me buscar!!heheh)

Voltamos, e nao nos largamos mais...Em Março fomos viver juntos...(3 ,meses e pouco depois de nos conhecermos) em Abril engravidei (gravidez planeada)...e quatro anos depois, continuamos juntos, a 3, amamo-nos imenso...somos bons amigos, posso dizer que tive a maior sorte do mundo!!

tenho um marido que è bom para mim, bom pai, nosso amigo, muito trabalhador, que faz tudo por mim e pela filha...

Ainda nao o conhecia...mas ja sabia que ele era o homem da minha vida...
Voltei a acreditar no amor...
Melhor...pela primeira vez...conheci, o que o AMOR realmente è!!!




Um dia digo-te que se a tua vida depender do meu amor... viverás para sempre

Edit: Ainda andei alguns dias a chamar-lhe Paulo, mesmo sabendo já que nao era Paulo, mas sim Miguel...isto porque durante dois anos, sempre lhe chamei pelo nome que se apresentou...Paulo!!!

17 comentários:

Futura mãmã disse...

Linda historia...Gostei muito...

Bárbara Brandão disse...

Que história mais recambolesca mas teve um final bem giro... vocês conheceram-se por causa de uma estupidez e ainda bem que aconteceu, não é? Beijocas**
O teu post deixou-me embevecida =)

Claudia disse...

Que bonito. Parabens pelos 4 anos... e desejos de muitos mais.

Mamã do Príncipe Pipoca disse...

É por histórias como a TUA continuo a ACREDITAR NO AMOR... Obrigada pela partilha Kris! Só desejo que sejam SEMPRE, MAS SEMPRE assim felizes!

Juliana disse...

Linda história que no fim acabou bem,que sejam muito felizes para todo o sempre... Beijocas

Tânia (Mamã do Santiago) disse...

Obrigada pela partilha Kris, bem linda a vossa historia :)

Katy disse...

Tão lindo :) as voltas que a vida dá, hein?
Parabéns a vocês! :)

AVOGI disse...

Linda história KRISTIANA, além de verdadeira tem um quê de engraçada
kis :=)
BFSEMANA
( sao destas historias que eu gosto)

SeM PalaVras disse...

isso não se faz.. deixaste-me de lagrimas nos olhos..
Só posso dizer uma coisa.. que venham muitos e muitos anos.. felizes como estes 4 que foram... beijinhos

Jei disse...

Que linda historia!!
é d se emocionar mesmo...

Kristianna disse...

Obrigada a todas!!!
E obrigada por terem lido o enorme testamento!!!heheh
beijos enormes!!

Teresa disse...

Parabéns!
o AMOR É A COISA MELHOR DO MUUUUNDO! :)
BJSS

Dreia disse...

Ohh parabens à família :))))

Sónia disse...

Adorei!!!

Paulinha disse...

Fiquei com o coração quentinho, quentinho!!! :) Eu e o meu Anjo Maior também nos "conhecemos" via net e com outros pormenores a história lembrou a nossa! :D
E na altura pensámos o mesmo:
"Combinamos encontrar-nos...e posso dizer que nao foi como oum primeiro encontro...nao, foi como se fosse um de muitos...eu ja conhecia aqwuela püessoa...so nao tinha um rosto..."

Foi fantástico recordar!
E deliciei-me com a vossa história! Desejo-vos muitos e muitos anos de vida cheia de amor, felicidade e saúde, merecem!!! Beijinhos aos 3!

Cátia disse...

Que história linda :) obrigado pela partilha :) que vivam muitos anos :)

Isa disse...

Olá :)
Em 1º lugar agradeço MUITO as tuas palavras e teres contado a tua experiencia.
Acredita que vocês estão a ser um grande pilar neste momento.

Sabes na semana passada - antes de eu imaginar sequer - eu tinha lido esta história e tinha-a achado linda. Emocionou-me e só não comentei porque estava sem tempo.

Tu és bem mais nova que eu, eu dediquei mais de 15 anos de vida aquela pessoa e agora não acredito em nada...nunca acreditarei.
Não acredito em amizade mas não quer dizer que não tenha "amigos".
Falo, divirto-me, rio-me com eles mas as minhas coisas ficam cá dentro porque não confio.
Não acredito no amor...mas talvez um dia me envolva com uma outra pessoa (agora nem consigo imaginar) mas nunca o amarei nem nunca me entregarei de corpo e alma.
NEVER!

De qql forma obrigada por tudo e quem sabe um dia me "vejam" sorrir de novo :)

Bj ♥